O que significa a independência Financeira para mim?

Muito se fala aqui na blogosfera de finanças em atingir a IF (Independência Financeira), que na prática se resume a: parar de trabalhar (em empregos maçantes, chatos e obrigatórios) e fazer o que quiser da sua vida, sem se preocupar com dinheiro, patrão ou tudo mais.

para alguns isso representa um milhão (ou mais) investidos de forma a tirar, no mínimo uns 10 mil por mês, reajustados anualmente pela inflação. mas essa vida não é pra mim. porquê?
simplesmente porque não posso ficar aportando mensalmente 70% do meu salário. já é difícil manter um aporte constante de 10% todo mês. porque eu ganho mal. e para piorar como muitos aqui já sabem, sou casado (hur durr, já sei) e tenho dois filhos. casei jovem, e de certa forma, ainda é possível suportar os agouros do casamento, diria até de forma vivendo com uma pressão bem menor se compararmos  ao nosso amigo pobretão de vida ruim, que está depressivo e ultra ansioso com seu ALL-IN na ELPL. digo isto pois o sexo apesar de não ser constante, ainda existe, mesmo depois de 6 anos. e não, ela não chega nem perto de uma panicat, mas vamos ser sinceros: o que um JPBF que é baixo, gordo e com emprego lixo pode esperar? isso mesmo. apesar de tudo ela ainda é uma boa mãe, se compararmos aos exemplos atuais…resta saber até quando.
mas não vim aqui falar de minha família. eu vim falar da IF. e vou mostrar um exemplo do que EU sonho para mim. para alguns vai ser loucura. para outros ridículo. antes de me criticar, descubra seu sonho primeiro (lembre-se: sonhos são coisas palpáveis, que você pode conquistar algum dia com algum esforço. fantasia é querer ser igual o dan bilzerian ou os rich kids of instagram.)

bem, vamos lá. meu exemplo a seguir é Richie (Richart) Sowa. Em 1998 ele teve uma
idéia no mínimo ousada. Ele largou seu trabalho como carpinteiro, seus
pertences e sua vida urbana para criar a sua própria ilha paradisíaca
flutuante com 250.000 garrafas coletadas em mais de 2 anos e meio. (vamos combinar, isso você compra/acha bem barato no brasil)

A ilha possuía uma casa de dois andares,
um forno solar e árvores frutíferas e vegetais como tomate, banana e
limão
. Sowa não estava sozinho em sua ilha, ele tinha como parceiros
seus dois gatos, um cachorro, duas galinhas e um pato que o faziam
companhia.

 

 

 

 

A estrutura destas ilhas é formada por redes com garrafas pet e por cima uma grade feita de bambu e madeira
compensada. A ilha localizada perto do lago Puerto Aventuras na costa Caribenha do México tinha 20 por 16 metros e podia ser movimentada de lugar facilmente por um motor de barco.
A ilha também teve destaque na televisão no programa “Ripley’s Believe-it-or-Not” ou como chamado no Brasil
“Acredite se quiser” e até mesmo o apoio do governo mexicano. Em 2005 o furacão Emily atingiu com toda
a força o México e a ilha foi totalmente destruída. Mas a persistência de Richie Sowa ainda não. Em 2008 ele iniciou um novo projeto de uma ilha ainda maior, mas em um lugar mais tranqüilo do México.
O projeto ganhou até comunidade na web chamada de The Spiral Islanders Network (http://www.spiralislanders.com/) onde pessoas podem conversar e discutir o projeto com Sowa.
Essa notícia pode não ser atual, mas é um projeto incrível por vários pontos de vista, tanto pelo esforço de
uma pessoa quanto a demonstração das formas de execução de um projeto sustentável e de baixo impacto para a natureza. Veja um vídeo da ilha de Richie Sowa.
eu sei que não é legal fazer ctrl+c/ctrl+v porém o fato é esse: o cara fez uma ilha só para ele. SEM MAIS IMPOSTOS. SEU PRÓPRIO TERRITÓRIO. SUAS PRÓPRIAS LEIS.  SUA PRÓPRIA COMIDA (é claro que o espaço é limitado, mas de acordo com o projeto, você pode expandir sua ilha ad infinitum) eu plantaria mil coisas. só de verduras, plantaria o principal: tomate, cebola, alho, cheiro verde, pimentão, etc. ainda tem batata, cenoura, chuchu, abobrinha, e tudo mais. pessoalmente é uma coisa que EU gostaria – e muito de fazer. talvez ainda plantasse um pé de limão ou laranja que nem ele. e todo tipo de árvore pequena tropical. pelo que eu vi aí, se for no centro, você pode por até um pé de manga
(manga paraense, , bem diferente da manga tommy. essa aqui você pode comer 10 que não enjoa.)
claro que precisaria de adubo , um solo beem mais fundo e tudo mais…
LIMITAÇÕES
Claro que nem tudo é perfeito. como foi informado, a ilha foi destruída por um furacão. (HAARP? talvez.) mas ela já havia sido atingida várias vezes antes, então foi bom ter durado esses 7 anos.  então é sempre bom reforçar as bases, e morar numa região mais amena no clima. ou seja, não dá para ter muita mobilidade com ela, mas pensando bem, pra que algum maluco levaria uma ilha tropical para o canadá?
além disso, esse estilo de vida hiper-frugal (quase nada de roupas, nem luxos eletrônicos, etc) não permite muita variedade. quer um x-burguer? não tem? facebook? também não. claro que dá para ter essas coisas, mas os adeptos desse estilo de vida nem se preocupam  com isso. você deve estar se perguntando como o cara consegue dinheiro com isso. ora, vendendo o que produz, e com o turismo, é claro. quem embarcar nessa não comerá uma panicat diferente por dia, mas pensando por outro lado, 99% dos homens também não. talvez coma uma ou outra coma fama de náufrago exótico que construiu sua ilha. até porque o shape do cara ajuda (veja foto lá em cima). o cara não faz nada o dia inteiro (exceto regar plantas). pode malhar, estudar, ou fazer o que quiser. (não estou falando de prazeres do mundo, estou falando de liberdade)
PORÉM….
vamos combinar…o cara não vai ter aporrinhação com nada. quer acordar às 10 da manhã? pode! ao meio dia? pode também, a vida agora é sua camarada!. você pode estar reclamando coisas do tipo “Pô, o cara não bebe, não fode, vai fazer o quê da vida?” sugiro que pare com este pensamento agora. eu mesmo não gosto de álcool e nem de outras drogas. e o cara não precisa necessariamente virar celibatário não (claro que também não vai comer todo dia, mas foda-se, até eu conseguir isso daí já estarei com 40-50 anos e com uma libido bem menor, espero que até lá as sex dolls se tornem realidade). veja que o cara tem animais de estimação para evitar a solidão. tem até galinhas e patos para botar ovos pra ele.
 a água que ele toma é da chuva, porém existe um jeito de você coletar a água doce do rio e torná-la potável. é um sistema relativamente caro (por volta de dois mil reais) porém depois você só troca os filtros, que se for para somente um pessoa, vão durar no mínimo 2 anos.

e você? teria coragem de meter a cara e viver nesta frugalidade extrema? ou prefere ficar recebendo dinheiro de investimentos que literalmente você não sabe o que pode acontecer com eles de um dia para outro? (leia-se poupança (collor), ações (PETR4) e tudo que for de renda variável ou que você não tenha o mínimo controle) pelo menos para mim esse cara venceu na vida. chega de chefes tetinha de escritório. chega de acordar às 4-5 da manhã. chega de ficar deprimido fim de semana. é isso que eu quero. e consigo isso juntando bem menos de 100k. na verdade pelo que pesquisei, consigo comprar 10 garrafas pets usadas por 15 centavos. o cara usou 250 mil garrafas. ou seja, não vou gastar nem 4 mil com garrafas. a areia é de graça. a casa é simples, chuto uns 20 mil no máximo. compensado aqui é barato, não vai sair mais de 10 mil (a ilha mede 16x20m ou seja 320m². aqui existem compensados baratos de 15 R$ o m² até os mais caros de 100 reais . ou sja, vou gastar pelo menos 5 mil nessa parada. mas acho que vou pegar um resistente à água. e impermeabilizá-lo. com sementes, pretendo gastar no máximo 5 mil (sementes geneticamente modificadas, se preciso) e só. claro que as sementes vão demorar para crescer. a “mangueira que eu tanto quero demorará anos. por isso precisarei ter um bom colchão financeiro, pelo menos 100-200 mil, e viver na frugalidade. mas este é o meu atalho para a minha independência financeira. espero que dê certo.agora vamos por no papel, para saber quanto essa brincadeira custa?

ou seja, não gastei nem 300 reais com várias sementes e a bandeja de mudas (que foi o que saiu mais caro). seria como plantar seu próprio dinheiro; mas isso é para quem gosta. sei que tem gastos com herbicidas e tudo mais, porém com vc controlando todo dia, e com plantação hidropônica, isso nem chega a ser problema.
claro que aí não entrou o gasto da casa. mas para mim, não tendo goteira, vou fazer um quarto frugal, com cama e só. (não gosto nem de ventilador, então ponto  para mim)
um, banheiro, com chuveiro, pia e cagatório (leia-se vaso)
um fogão ou chapa elétrica para eu cozinhar os alimentos.
(penso em por painéis solares, o que sairia bem caro, penso que quase 10 mil, se toda eletricidade vier de lá. talvez uns cataventos ajudem…)
então na eletricidade   estariam ligados um fogão/panela elétrica, e penso que coisas necessárias como liquidificador e geladeira, (e talvez um chuveiro elétrico, por que não?) poderiam ter algum tipo de motor a gasolina ou a gás. eu sei que isso é chato, corta a independência, mas acho que com energia elétrica solar, não daria para fazer muita coisa.
o máximo de luxo que eu teria seria um notebook/tablet. com internet 3g lixo, mas,  é um preço a se pagar.
não preciso de muitos móveis, exceto um lugar para me deitar e outro para estocar comida.
depois, com o tempo precisaria de alguns aparelhos da academia frugal. mas isso é para um futuro indefinido.