O Suicídio resolve alguma coisa para um JPBF?

Bom dia galera! Este post vem em um dia atípico que é segunda-feira de manhã, quando não costumo escrever. Para muitas pessoas o suicídio é um tema polêmico.  Felizmente para nós pobretões esse assunto já foi exaustivamente discutido nos grupos. Ele pode parecer uma boa solução. Mas acredite em mim, não é (na verdade a maior parte de nós sabe disso, porém quando a dor é muito forte alguns soldados desistem da batalha).

Existem vários pontos que impedem as pessoas de se suicidar. Vejamos alguns deles:

  1. O primeiro e mais citado ou pensado pelos pobretões é: “E a minha família? ” Por mais que uma boa parte tenha famílias horríveis que vivem brigando e se odeiam, outra parte ainda pensa o que será das mães/pais/irmãos/filhos e amigos. Essa parte costuma complicar muito, principalmente se alguém depende de você financeiramente, como filhos ou parentes. Se você ainda não tiver se tornado um sociopata por completo a sua consideração por essas pessoas provavelmente é um dos fatores mais fortes a lhe impedir de tomar essa decisão. Como essas pessoas sobreviveriam sem você? Esqueça as histórias motivacionais de RH, você sabe que aqui no Bostil elas ficariam ainda mais na merda do que estão.  O fato de meu pai ter sido assassinado na minha infância mudou totalmente o rumo da minha vida, sabe-se lá o grau de sucesso financeiro que eu poderia ter agora? Outra coisa a se pensar é a visão que a família teria de você. Sim, os bostileiros tem o preconceito, vão te ver como fracassado, etc. Mesmo que você odeie sua família essa não é a melhor forma de se livrar deles.
  2. Apesar de existirem algumas substâncias que são letais se ingeridas, a maioria dos suicídios não é tranquila ou indolor.  Existe até um livro falando das melhores técnicas para isso, mas para meu blog não ser denunciado nem vou postar ele aqui.
  3. Não se tem certeza do que virá depois. Na verdade eu sou cristão e tenho bastante certeza do que virá depois. Não acredito em inferno ou tormento eterno, pois sou aniquilacionista (acredito num castigo sim, mas passageiro e proporcional à sua “maldade”. Após isso você irá “morrer” – na verdade ser destruído ou deixar de existir – para sempre).  Pode até não parecer tão ruim. Mas se existe uma chance de escapar deste destino e ir para um lugar perfeito, eu prefiro tentar.
  4. Você na verdade merece esse sofrimento.  Sim eu sei, a frase é polêmica. Mas você sabe que não é perfeito. Sabe que já fez coisas erradas. Você na verdade não merece nada do que tem agora, nem sua vida.  E se parar para pensar, nem isso lhe pertence, você não sabe o que lhe acontecerá amanhã, o futuro pertence a Deus.  Pode parecer injusto, mas aproveite o pouco que Ele lhe deu. Eu por exemplo, se ganhasse um salário mínimo e fosse explorado no trabalho acho que largaria tudo e iria vender balas no sinal. é menos estressante.
  5. Apesar do que eu disse aí atrás, a expectativa de vida vem aumentando, mesmo no bostil. então se você ainda tem no máximo 40 anos, isso significa que você pode ter mais 40 anos para viver e mudar alguma coisa na sua vida. e não me diga que é pouca coisa, é mais do que a minha idade atual.

É isso aí galera., se você discordar, concordar ou quiser acrescentar algo, é só comentar abaixo.